Informação, interatividade e diversão marcam passagem do CIB pelo Mato Grosso

O Conselho de Informações sobre Biotecnologia (CIB) participou no dia 16 /11 de mais um Fórum Soja Brasil, projeto que leva informações sobre o mercado de soja para agricultores de todo o país. Desta vez a Caravana desembarcou na cidade de Sorriso (MT) e teve como destaque o Jogo Boas e o Guri de Uruguaiana, que ajudaram o produtor a se preparar para a próxima safra e a ampliar seus conhecimentos sobre o Manejo Integrado de Pragas (MIP), tecnologia e sustentabilidade no campo.

O Fórum aconteceu no auditório do Sindicato Rural de Sorriso onde a diretora-executiva do CIB, Adriana Brondani, apresentou uma palestra interativa com perguntas e respostas dadas tempo real. “O Mato Grosso é o estado que mais adota biotecnologia no Brasil, por isso é tão importante conversar de perto com o produtor dessa região”, destacou Adriana.

A interação ficou mais divertida com a presença do ilustre personagem gaúcho Guri de Uruguaiana que divertiu os produtores. Foi a primeira participação do Guri nos eventos do Soja Brasil, mas se depender da animação dos produtores, o personagem deve aparecer novamente.

Jogo Boas
O CIB também levou o Jogo Boas até o município de Sorriso e 80 produtores passaram pela carreta para participar da brincadeira. O Jogo simula algo que o produtor conhece muito bem: a tomada de decisões desde o momento que ele adquire a semente até a fase de monitoramento da lavoura. “É uma brincadeira que trata de algo muito sério de forma leve e descontraída” disse Adriana. Ao final, ganharam uma camiseta aqueles agricultores que elegeram corretamente as melhores práticas para preservar a tecnologia Bt”.

O Jogo também contou com a presença do consultor técnico e engenheiro agrônomo, José Magid Waquil, que tirou as dúvidas dos agricultores sobre MIP. Waquil ressaltou o diálogo feito com os produtores e como isso ajudará a preservar a tecnologia no campo. Na campanha, o foco é a tecnologia Bt, de resistência a insetos. “O produtor paga por ela e quer que ela dure o máximo de tempo possível. Nós, como pesquisadores, sabemos como é difícil desenvolver uma nova tecnologia, por isso é tão importante esse trabalho”, avaliou.

A campanha de Boas Práticas Agronômicas do CIB fala da importância do correto manejo e tem como mote principal a adoção de áreas de refúgio, indispensável para prolongar a eficácia da tecnologia Bt.



Eventos