Especialistas e produtores debatem boas práticas em Campo Novo – RS

Os agricultores do Rio Grande do Sul, famosos pelo pioneirismo na adoção da biotecnologia no Brasil, mais uma vez quebraram paradigmas e, pela primeira vez, receberam o Fórum Soja Brasil em uma das principais feiras agrícolas do Estado, a Expoagro. Organizada pela Cooperativa Tritícola Mista Campo Novo (Cotricampo) e realizada entre os dias 22 e 24 de fevereiro, o evento foi uma oportunidade para os produtores discutirem como as boas práticas agronômicas podem influenciar a produtividade e quais são as medidas necessárias para enfrentar os desafios da atual safra.

O professor e doutor em Produção e Tecnologias de Sementes, Alexandre Gazolla, representou o programa Boas Práticas Agronômicas (BOAS) no debate do dia 22 e destacou que conhecimento e produtividade andam de mãos dadas. “Quando investimos em um, o outro também aumenta”, afirmou logo no início de sua fala. Gazolla também reiterou as tecnologias são aliadas dos agricultores mas que cada uma exige um manejo específico. “É preciso sempre controlar os agentes redutores de produtividade – como pragas e doenças – e a genética das sementes é uma alternativa eficiente para isso.” Gazolla destacou, entretanto, que é preciso preservar a eficiência desta tecnologia por meio da adoção de boas práticas, a exemplo do refúgio.

Além disso, o clima foi um assunto recorrente nas discussões e foi abordado pelo pesquisador da Embrapa Osmar Conte. “A lavoura é um sistema complexo e a rotação de culturas, por exemplo, é essencial, com excesso ou com falta de chuvas”, disse o especialista. A também pesquisadora da Embrapa Claudine Seixas afirmou que, a depender de como o clima se comporta, diferentes técnicas devem ser adotadas. “O Rio Grande do Sul não faz, por exemplo, o vazio sanitário porque conta com um inverno rigoroso que acaba com as doenças. Entretanto, como ultimamente o clima tem sido mais ameno, deve-se recorrer a novos manejos.” O diretor executivo da Aprosoja Brasil, Fabrício Rosa, também presente no debate, fez coro com os cientistas.

Campo Novo

Município do Noroeste do Rio Grande do Sul, Campo Novo se destaca pela produção de soja, milho, trigo e leite. Atualmente são plantados cerca de 11 mil hectares de soja e os agricultores esperam começar a colheita na segunda quinzena de março.

Fórum Soja Brasil

O Projeto Soja Brasil é a maior expedição por lavouras de soja já realizada no País e está em sua sexta edição nesta safra 2017/2018. Com a coordenação técnica da Embrapa e participação do programa Boas Práticas Agronômicas (BOAS), o projeto presta consultoria ao produtor brasileiro, que tem acesso a recomendações e técnicas para obter mais produtividade. O projeto tem a realização do Canal Rural e da Associação dos Produtores de Soja do Brasil (Aprosoja Brasil).

 

Fonte: Redação BOAS, 25 de fevereiro de 2017